Cirurgia de Correção

de Cicatriz

Descrição

Devido a fatores como abertura precoce de pontos, infecção, excesso de tensão, entre outros, uma cicatriz pode ficar demasiadamente alargada, profunda ou com pequenas marcas nas suas adjacências. Nestes casos, uma nova cirurgia para refazer a cicatriz, reduzindo o seu alargamento e sua profundidade, poderá ser indicada. Entretanto, embora esta cirurgia possa resultar em uma cicatriz mais fina e menos profunda, uma cicatriz não pode ser completamente apagada. Esta técnica cirúrgica não é indicada para o tratamento do quelóide, que é uma cicatriz patológica cuja principal característica é o seu crescimento exuberante para além das margens da lesão de pele original. Os quelóides exigem uma abordagem diferenciada e específica.

Anestesia

Anestesia local. Em casos de cicatrizes maiores, uma sedação poderá ser necessária.

Período de Internação

O paciente permanece apenas o tempo necessário para realização do procedimento, recebendo alta na sequência.

Cicatriz

Uma nova cicatriz, mais fina e menos profunda, ficará presente no local da antiga cicatriz.

Recuperação pós-cirúrgica

O paciente deverá evitar movimentos excessivos próximos ao local da cirurgia.

Curativos/Proteção

Curativos simples (gaze e micropore) são usados na primeira semana, seguido do uso de uma placa de silicone por três meses.

Pontos

Os pontos não absorvíveis serão retirados com 7 a 15 dias da cirurgia.

Informações adicionais poderão ser encontradas na Central do Paciente.